Comportamento profissional do corretor de imóveis

By
Um bom corretor deve visar sempre ao bem-estar e à satisfação dos seus clientes


Do ponto de vista mercadológico, o corretor de imóveis é o profissional que realiza a intermediação de negócios imobiliários, estabelecendo um elo contratual entre o fornecedor e o consumidor, ou melhor, entre o atual dono do imóvel (vendedor/alienante) e o pretendente à aquisição desse mesmo imóvel (comprador/adquirente).

Ele poderá viabilizar negócios imobiliários tendo, de um lado, empresas (vendedoras ou compradoras) e, do outro, pessoas físicas (compradoras ou vendedoras); e também poderá ter pessoas jurídicas envolvidas dos dois lados (compradoras e vendedoras).

Além disso, as negociações imobiliárias normalmente abrangem riquezas e investimentos vultosos, promovendo a circulação de bens e finanças, alavancando a economia e, em consequência, estabelecendo condições de vida dignas para as pessoas.

Dessa forma, “pode-se perceber que a atuação do corretor de imóveis é essencial para o mercado imobiliário e, ainda, para a economia, a sociologia, a história, a arquitetura e o urbanismo, as relações humanas e diversas outras ciências que impactam na dinâmica social”, afirma Fernando de Magalhães Júnior, professor do Curso Capacitação de Corretor de Imóveis, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

Assim percebemos o quão importante é o papel desse profissional, pois ele irá atender aos anseios e às expectativas da clientela que possui um perfil bastante diversificado, com características ecléticas e específicas. Além disso, deve ter preparo técnico suficiente para enfrentar a concorrência acirrada do mercado imobiliário.


A capacitação profissional exigida para que você possa desempenhar a função de corretor de imóveis de forma eficiente abrange:

  •  Conhecimentos sólidos a respeito do mercado imobiliário e dos diversos segmentos da clientela;
  • Entendimento de finanças e de investimentos;
  • Noções de arquitetura e engenharia e conhecimentos adequados para fazer a avaliação de imóveis;
  • Trabalho com ética profissional, no atendimento dos clientes e no relacionamento com os colegas;
  • Competência para explorar as estratégias de marketing para concretização das transações imobiliárias;
  • Compreensão de dinâmica do mercado imobiliário, entre outros aspectos.

Comportamento

Uma característica indispensável ao sucesso do corretor de imóveis é a sua atuação fundamentada nos princípios da ética profissional. Como resultado de um comportamento ético, temos o relacionamento saudável entre as pessoas, a confiança mútua e o bem-estar social.

Do ponto de vista profissional, podemos dizer que as atitudes comportamentais do corretor de imóveis devem ser:

- Honestidade;
- Lealdade;
- Rendimento elevado;
- Respeito à dignidade humana;
- Sigilo profissional;
- Respeito às normas e obediência às condições preestabelecidas, entre outras.

Além disso, algumas atitudes são consideradas imprescindíveis para desempenhar um comportamento profissionalmente ético, tais como: agir com transparência; adotar conduta profissional exemplar, podendo servir de referência a outros profissionais; e respeitar seus colegas de trabalho. Por exemplo, não interferir em negociações já desenvolvidas por outro corretor de imóveis.

Por Andréa Oliveira